• presonus
  • StudioLive 32.4.2AI

    Mesa de som digital de 32 canais com DSP integrado

    Descrição

    Seguindo o sucesso arrebatador da série de mesas digitais StudioLive a PreSonus acaba de lançar a StudioLive 32.4.2AI, uma mesa de som digital de 32 canais especialmente desenvolvida para atender a todas as etapas envolvidas na captura e processamento de áudio em performances ao vivo ou em gravações. Essa nova mesa de som integra recursos vindos da próxima geração da tecnologia de integração ativa, incluindo uma central de processamento dual-core com 64 vezes mais processamento e incríveis 10.000 vezes mais memória RAM que a versão anterior top de linha da PreSonus, a StudioLive 24.4.2. Seu sofisticado protocolo de comunicação permite que seja controlada remotamente sem a necessidade de um computador externo.

    Destaques importantes são os 32 pré-amplificadores Classe A XMAX™ integrados com chave de comutação de phantom power individual por canal, um pré-amplificador extra com phantom power sempre ativo para a função de talkback, 32 entradas de linha, 14 auxiliares, 4 subgrupos com configuração de atraso (delay) para suas saídas, Fat Channel com processamento de dinâmica e equalização paramétrica, interface de áudio com conectividade Firewire 800 de 48 x 34 canais, entre outros que levam a mixagem digital a um novo nível de sofisticação.

    Mesmo tendo um longo arsenal de recursos, esse novo modelo mantém a facilidade de uso e o fluxo de trabalho rápido que ajudou a fazer as mesas de som digitais da série StudioLive um sucesso mundial.

    Todos os principais recursos de mixagem estão sob os dedos, sem distrações com mudanças de telas ou bancos. A StudioLive 32.4.2AI incorpora todos os recursos do premiado Fat Channel presentes na StudioLive 24.4.2, incluindo roteamento flexível, ajuste de panorama, filtro passa-alta e inversão de polaridade em todos os canais, além de recursos completos de gating, compressão e limiter, juntamente com um equalizador paramétrico de 4 bandas para todos os canais, auxiliares, subgrupos, e mandadas para efeitos. Aproveitando a imensa central de processamento para a integração ativa, essa nova mesa de som digital permite aos usuários criar dois conjuntos completos de equalização e dinâmica para cada canal e, em seguida, fazer uma rápida alternação para comparação, usando-se a tecla Alt EQ/Dyn.

    Também é novidade neste modelo seis grupos de Mute, com interruptores All, On/Off e Off e mais seis botões para armazenamento de cenas designáveis pelo usuário, que podem ser carregadas instantaneamente. Esta também possui quatro mandadas para efeitos internos: duas para reverbs e duas para delays.

    Diferentemente dos modelos anteriores, a StudioLive 32.4.2AI tem porta Ethernet e USB 2.0, sendo que nesta última pode-se conectar o adaptador USB Wi-Fi para acesso à redes sem fio. Isso permite que você se conecte a uma rede que tenha um roteador sem fio ou a cabo. Usando qualquer uma dessas conectividades a mesa de som pode ser controlado a partir de um laptop, iPad®, iPhone® ou iPod Touch®; a conectividade FireWire com um computador não é necessária.

    Uma linha completa de placas de expansão estará disponível para a 32.4.2AI em 2013. Cada placa virá equipada com conectividade FireWire S800 e saídas no formato estéreo com conectividade S/PDIF. Por padrão de fábrica as mesas 32.4.2AI vem com uma placa adicional com conectores para Ethernet. Duas placas que oferecem os protocolos Dante e Thunderbolt estão em desenvolvimento.

    A StudioLive 32.4.2AI integra-se totalmente às versões atualizadas do mesmo pacote de software introduzidos para os modelos anteriores da linha StudioLive, como o VSL-AI que faz o controle, edição e manutenção de bancos de dados, o SL Remote-AI, um controle remoto sem fio para usuários de iPad, o QMix para controle sem fio para usuários de iPhone e iPod Touch, o Capture 2.0, software de gravação de áudio pré-configurado e o elogiadíssimo Studio One®, a plataforma DAW do artista. Esta combinação de hardware e software fornece recursos que nenhuma outra mesa de som digital perto de sua classe de preço oferece.

    Características

    • 32 entradas de linha e de microfone pré-amplificadas com circuito classe A XMAX ™
    • 4 subgrupos
    • Saídas no formato estéreo e mono
    • 14 mandadas auxiliares
    • Interface Firewire S800 com 48 canais de entrada e 34 de saída (24-bit/48 kHz)
    • 60 faixas de canal
    • Controle de compensação de ganho de -20dBV a +20dBV para linha e de -15dBu a +65dBu para microfone (80dB de ganho)
    • Interruptores individuais de Phantom Power de +48V
    • Seletor para entrada de Áudio Digital
    • Faders de precisão de 100mm
    • Botões Solo e Mute iluminados
    • 6 grupos de Mute
    • Acesso direto às funções do Fat Channel
    • Medidor de barra com 15 segmentos em LED incluindo LED de saturação
    • Insert analógico por canal via plugue P10 TRS no painel traseiro
    • 4 subgrupos, cada um com:
      • Solo
      • Mute
      • Acesso às funções do Fat Channel (exceto filtro passa-alta e reversão de fase)
    • 14 mandadas auxiliares, cada uma com:
      • Solo
      • Mute
      • Envio Pré ou pós fader
      • Controle no nível de saída
      • Acesso às funções do Fat Channel (com exceção de inversão de fase)
      • Exibição da mixagem e panorama do Fat Channel
      • Fontes disponíveis: 32 canais de entrada, entrada auxiliar A e B, entrada Tape, retorno de áudio digital principal, FXA, FXB, FXC, FXD, Talkback
    • 4 mandadas internas para efeitos (dois reverbs e dois efeitos de delay), cada um com:
      • Mute
      • Mandada Pré ou pós fader
      • Controle do nível de saída
      • Acesso ao Fat Channel (exceto inversão de fase)
      • Medição do Fat Channel via mandada de efeitos
    • Botão para exibição da mixagem e Fat Channel
    • Seção Master
      • Entrada Aux A e B
        • Controle de nível (medição do Fat Channel)
        • O acesso à todas as funções do Fat Channel (exceto reversão de fase)
      • Talkback
        • Controle do nível do Microfone
        • Seleção de saída (Aux 1-2, 3-8, 9-14, Principal)
        • Botão Talk
    • Entrada para microfone dedicada no painel traseiro no formato XLR com controle de compensação de ganho e alimentação phantom power de 48V contínua
    • 2 Track
      • Controle de nível
      • Botão de roteamento da entrada Tape para o botão Mains (saídas principais)
      • Botão liga/desliga do retorno de áudio digital
    • Grupo de Solo
      • Controle de volume
      • Sistemas PFL / AFL e Solo In Place
      • Modos Latch, Radio e CR
    • Grupo de monitoração
      • Fone de ouvido com controle individual de nível de saída
      • Controle de nível de saída para a sala de controle (Control Room)
      • Botão de envio do sinal do grupo de Solo para os monitores
      • Botão de envio da entrada Tape para monitores
      • Botão de envio do sinal do retorno digital de áudio principal para monitores
      • Botão de envio da mixagem principal para os monitores
    • Fat Channel com botões rotacionais:
      • Panorama com medidor de 15 segmentos em LED
      • Botão Stereo Link para canais de entrada, auxiliares e subgrupos
      • Reversão de fase (apenas para os canais principais)
      • Filtro passa-alta: -6 dB/oitava, ajustável de desligado a 1kHz (canais principais e auxiliares apenas)
      • Gate
        • Threshold de 0dB a -84 dB
        • Ataque de 0,02ms a 500ms
        • Release de 0,05s a 2s
        • Frequência chave do filtro passa-banda de 40Hz a 16kHz
        • Filtro passa-banda ressonante de segunda ordem com Q fixo em 0,7 com função Key Listen
      • Compressor
        • Limiar (Threshold) -56db a 0 dB
        • Razão de 1:1 a 14:1
        • Limiter com razão infinito:1
        • Ataque de 0,2ms a 150ms
        • Release de 2,5ms a 900ms
        • Ganho de 0dB a 28dB
        • Modo Soft Knee
        • Modo automático ataque de 10ms e release de 150 ms
      • Equalizador paramétrico de 4 bandas
        • Baixas: Pico com varredura de 36Hz a 465Hz ou Shelving com 15dB de ganho ou atenuação
        • Médias baixas: Pico com varredura de 90Hz a 1,2kHz com 15dB de ganho ou atenuação e Q variável entre 0,1 e 4,0
        • Médias altas: pico com varredura de 380Hz a 5kHz com 15dB de ganho ou atenuação com Q variável de 0,1 a 4,0
        • Altas: pico com varredura de 1,4 kHz a 18 kHz ou Shelving com 15dB de ganho ou atenuação
        • Botão de liga / desliga para Master EQ
      • Limiter:
        • Variável de -28dBfs a 0, razão de infinito:1
      • Botão Alt EQ & Dyn para comparações rápidas entre dois conjuntos completos de ajustes do Fat Channel, 4 subgrupos e saídas principais
      • Todas as configurações podem ser copiadas entre os canais e os subgrupos e podem ser salvas como predefinições do usuário.
      • 50 presets para bateria, baixo, guitarras, teclados e vocais
      • 4 efeitos internos digitais (2 reverbs e 2 delays), cada um com 50 presets personalizáveis
      • 16 equalizadores gráficos de 31 bandas
      • Atribuição de cada subgrupo à saída principal
    • Armazenamento e restituição de cenas
      • Armazenamento de cenas globais: todas as configurações atuais da StudioLive
      • Até 80 por vez
      • 6 botões de restituição de cena de acesso rápido
      • Gravação de cena global automática
      • Nomeação personalizável
    • Armazenamento de presets do Channel strip
      • Até 48 de cada vez
      • 50 presets de fábrica para instrumentos e vocais
      • Função copiar e colar entre canais
      • Presets podem ser pesquisado por categoria (DRM, VOX, HRN, GTR, BAS, MISC, SYS)
      • Modo de bloqueio
    • Medição
      • Matriz do Fat Channel com 24 x 16 LEDs
        • Entrada Pré-processador de dinâmica / pré-fader
        • Saída Pós-processador de dinâmica / pós-fader
        • Redução de ganho
        • Aux 1-14 e EFX A-D
        • Recordação de posicionamento de Fader
      • Matriz de 8 x 15 LEDs do banco principal
        • Nível do canal selecionado
        • Redução de ganho do canal selecionado
        • Subgrupo 1-4
        • Saídas principais
      • 15 LEDs para panorama e Balance
      • LCD de 64 x 194 pontos
        • Parâmetros de efeitos
        • Criação de cena, armazenamento e recuperação
        • Sistema de menus
        • Página canal de informação com nomeação personalizada
        • Equalizador gráfico
      • Dois dígitos para exibição de canal selecionado
    • Entradas e saídas
      • 32 entradas principais, cada qual com entrada para microfone com conector XLR, para linha com conector P10 e insert com conector P10
      • 2 entradas balanceadas auxiliares com conector TRS P10
      • 1 entrada XLR para microfone de talkback com pré-amplificador XMAX e alimentação de phantom power sempre ativa
      • Entrada e saída desbalanceada estéreo com conector RCA estéreo (Tape)
      • Saídas principais com conector XLR (L/R) com controle de nível
    • Saídas principais balanceadas com conector TR P10 (L/R)
    • Saída mono com conector XLR com controle de nível
    • Saídas balanceadas para sala de controle com conector TRS P10
    • Saída para fone de ouvido com conector TRS P10
    • 4 Saídas balanceadas de subgrupos com conectores TRS P10
    • 4 Saídas balanceadas auxiliares com conector TRS P10
    • 32 pontos de insert com direct out Ch. 1-8, 9-16, 17-24, 25-32 (Conector DB25)
    • Porta USB 2.0 dedicada para adaptador de rede Wi-Fi incluso
    • Placa de expansão instalada de fábrica:
      • Saída estéreo no formato S/PDIF
    • 2 portas FireWire S800
    • Slot para placas adicionais
      • Saída S/PDIF via Thunderbolt-FireWire S800
      • o Saída S/PDIF via Ethernet/Dante-FireWire S800
    • Conversores de alta definição (118dB de alcance dinâmico)
    • Headroom ilimitado
    • Processamento em 32Bits de ponto flutuante para mixagem e processamento de efeitos
    • Taxa de amostragem interna de 44,1kHz e 48kHz
    • Chassi robusto em aço antiflexível
    • Faders de 100 milímetros
    • Botões de acesso rápido de grau militar
    • Soquete BNC para lâmpada de 12V
    • Capa disponível
    • Inclui aplicativo Studio One Artist para Mac e Windows
    • Inclui aplicativo Capture para Mac e Windows
    • Compatível com aplicativo StudioLive Remote-AI para o iPad (disponível gratuitamente na Apple App Store)
    • Compatível com aplicativo QMix-AI para iPhone e iPod Touch (disponível gratuitamente na Apple App Store)
    • Interface de gravação direta compatível com Logic ®, Nuendo, Cubase, Sonar™, Digital Performer ™, Ableton Live e muito mais

    Especificações Técnicas

    • Pré-amplificador de microfone (canais de 1 a 32)
      • Conector: XLR fêmea balanceado
      • Resposta de frequência de saída: 20Hz a 40kHz ± 0,5dBu
      • Resposta de frequência para a saída principal de 20Hz a 20kHz ± 0,5dBu
      • Impedância de entrada (balanceada): 1kW
      • Distorção harmônica total de saída direta: <0,005%, +4dBu, de 20Hz a 20 kHz, ganho unitário
      • Distorção harmônica total da saída principal: <0,005%, +4dBu, de 20Hz a 20kHz, ganho unitário
      • Ruído efetivo de entrada: 125dB, 130dB curva A
      • Relação sinal x ruído direto: -97dB
      • Relação sinal x ruído nas saídas principais: -94dB
      • Taxa de rejeição do modo comum: 65dB
      • Controle de ganho: de -16dB a +67dB (± 1dB)
      • Nível máximo de entrada (ganho unitário): +16dBu
      • Phantom Power de 48V DC
    • Entradas de Linha
      • Conector: TRS P10 mono feminino balanceado
      • Resposta de Frequência de saída direta: de 10Hz a 40kHz, 0/-0,5dBu
      • Resposta de Frequência das saídas principais: de 20Hz a 20kHz, ±0,5dBu
      • Impedância de entrada: 10kW
      • THD de saída direta <0,0007%, +4dBu, 20-20 kHz, ganho unitário
      • Distorção harmônica total de saída direta: <0,005%, +4dBu, de 20Hz a 20kHz, ganho unitário
      • Distorção harmônica total da saída principal: -105dB
      • Relação sinal x ruído nas saídas principais: -94dB
      • Ganho: (± 1 dB) -20dB a +20dB
      • Nível máximo de entrada (ganho unitário): +22dBu
    • Entrada Tape
      • Conector: RCA fêmea (par estéreo) desbalanceada
      • Nível máximo de entrada: +22dBu
    • Entradas auxiliares
      • Conector: TRS P10 fêmea, balanceada (2 pares estéreos)
      • Nível máximo de entrada: +22dBu
    • Saídas principais
      • Conector TRS P10 balanceado macho (par estéreo);
      • Conector: TRS P10 balanceado fêmea (par estéreo)
      • Conector XLR Macho balanceado (mono)
      • Melhor nível de saída: 24dBu
      • Impedância: 100Ω
    • Saídas auxiliares
      • Conector: TRS P10 balanceado fêmea (mono)
      • Melhor nível de saída: 18dBu
      • Impedância de saída: 100Ω
    • Saídas de subgrupo
      • Conector: TRS P10 balanceado fêmea (mono)
      • Melhor nível de saída: 18dBu
      • Impedância de saída: 100Ω
    • Saídas Tape
      • Conector: RCA fêmea desbalanceado (par estéreo)
      • Melhor nível de saída: 18dBu
      • Impedância de saída: 100Ω
    • Saídas de sala de controle (Control Room)
      • Conector: TRS P10 balanceado fêmea (par estéreo)
      • Melhor nível de saída: 18dBu
      • Impedância de saída: 100Ω
    • Crosstalk
      • Entrada à saída (Ref = +4dBu, de 20Hz a 20kHz): -90dBu
      • Canais adjacentes (Ref = +4dBu, de 20Hz a 20kH): -87dBu
    • Noise Gate / Expander
      • Limiar: de -84dB a 0dB
      • Tempo de ataque: de 0.02s a 500ms / 0,5ms
      • Release: de 0.05s a 2s
      • Faixa de atenuação: 2:1
      • Alcance: de -84dB a 0dB / infinito
      • Key Listen: filtro ressonante de 2ª ordem, Q = 0,7; desligado, de 40Hz a 16kHz
    • Limitador
      • Limiar: -28dBFS
      • Relação: infinito:1
      • Ataque: 20ms
      • Hold: 10ms
      • Release: 20ms
    • Compressor
      • Limiar: de -56dB a 0dB
      • Razão: de 1:01 a 14:01
      • Tempo de Ataque: 0,2ms a 150ms
      • Release: de 40ms a 1000ms
      • Ataque: 10ms
      • Ataque automático: 150ms
      • Tipo de curva: soft knee e hard knee
    • Equalizador
      • Shelving de 2ª ordem (Q = 0,55)
      • Baixas (Lowpass ou Bandpass): de 36Hz a 465Hz com ± 15dB de ganho ou redução
      • Médias baixas: de 90Hz a 1,2kHz com ± 15dB de ganho ou redução
      • Médias altas: de 380Hz a 5kHz com ± 15dB de ganho ou redução
      • Altas (Highpass ou Bandpass): de 1,4kHz a 18kHz com ± 15dB de ganho ou redução
      • Q: de 0,1 a 4 / Baixas Q=0,55 / Altas Q=2,0
    • Equalizador gráfico
      • 31 bandas de 1/3 de oitava
      • Ganho / Atenuação ± 15dB
    • Áudio Digital
      • Margem dinâmica do conversor AD: 118dB (48kHz curva A)
      • Margem dinâmica do conversor DA: 118dB (48kHz curva A)
      • Porta Firewire S800 com 800Mb/s de banda de comunicação
      • Processamento interno: 32Bits de ponto flutuante
      • Taxa de amostragem: de 44,1kHz a 48kHz
      • Bit Depth: 24bits
      • Nível de referência para 0dBFS: -18dBu
    • Clock
      • Jitter:
      • Atenuação de Jitter: >60 dB (1 ns para entrada ≈ 1 ps para saída)
    • Energia / Meio Ambiente
      • Conector IEC
      • Tensão de entrada: de 90V a 240V, 50-60 Hz
      • Requisitos de Alimentação: 200W
      • Faixa de temperatura: de 0°C a 40°C
    • Características físicas
      • Comprimento: 541,27 milímetros
      • Largura (chassis apenas): 705,60 milímetros
      • Altura Máxima: 178,21 milímetros
      • Peso: 22,68kg

    Aplicativos

    Este produto inclui, em mídia digital, drivers, updates de firmware e aplicativos em versões específicas para o funcionamento deste produto, conforme descrito abaixo:

    PRESONUS STUDIO ONE ARTIST versão SL 32.4.2 AI

    O aplicativo Studio One na versão Artist completa vem junto com todas as interfaces de áudio da PreSonus. Ele é uma nova abordagem de software para gravação, mixagem, masterização e distribuição de música. É um ambiente criativo construído para uso intuitivo, velocidade e eficiência e ainda é robusto o suficiente para acomodar produções complexas.

    Dois anos atrás, a PreSonus lançou o Studio One com a promessa de que os artistas de todos os níveis, do iniciante ao profissional experiente, iriam encontrar no Studio One uma alternativa séria para os softwares intimidantes e inchados de ofertas que são considerados padrão. Desde então, o Studio One ganhou vários prêmios de prestígio, críticos elogiaram-no, o fórum do Studio One foi movimentado com ideias e muitos músicos, produtores e engenheiros migraram para esta nova DAW, em grandes números.

    As razões são simples: o Studio One permite-lhes trabalhar de forma rápida e eficiente e oferece os recursos de que precisam com a qualidade impecável de áudio que eles exigem. Quando você pode trabalhar mais rápido, mais criativa e sem esforço, fazer música é ainda mais divertido.

    Se você não gosta de leitura, mergulhe em alguns vídeos no site da PreSonus, ou então faça o download da versão demo; você pode ser surpreendido com a rapidez na qual estará fazendo música.

    A PreSonus teve um objetivo claro e simples: limpar a plataforma e aplicar décadas de uso coletivo de softwares e a experiência com hardwares para trazer a DAW de volta ao músico e produtor. Após anos de desenvolvimento por alguns dos melhores programadores do mundo, seguido por dois anos de atualizações gratuitas para o Studio One, estamos agora nas versões Artist Studio One 2, Studio One Producer 2, e Studio One Professional 2.

    O Studio One utiliza processamento interno sofisticado que pode ser considerado como uma obra prima. Este proporciona som incrivelmente claro e preciso. A versão Studio One Professional inclui características profissionais, com versão em 64 bits de ponto flutuante para o processamento interno de áudio que pode, automaticamente, alternar entre o processamento de 64 bits e 32 bits em tempo real para acomodar plug-ins de 32 bits, por exemplo. Isto significa que você sempre terá a qualidade de som mais alta possível a uma incrível velocidade. As versões Studio One Artist e Studio One Producer tem o mesmo processamento de áudio, mas sempre opera em modo de 32 bits.

    O Studio One é compatível com qualquer protocolo, incluindo ASIO, Windows Audio e Core significando que está também compatível com uma enorme gama de interfaces de áudio, incluindo, é claro, toda a linha de interfaces PreSonus.

    Versão 2.5

    Atualmente a versão disponível é a 2.5, que inclui mais de 100 melhorias e funcionalidades novas em relação à versão anterior., veja abaixo as principais:

    • Ampire XT completamente reformulado. Novas respostas de impulsos (IR) para as emulações dos gabinetes e amplificadores de guitarra, resultando em uma melhora significativa na qualidade do som.
    • Melhorias de automação. Edição mais fácil e mais rápida de envelopes de automação.
    • Melhorias na exportação de áudio. Renderização de múltiplas saídas agora é mais rápida nas exportações, uma economia de tempo enorme.
    • Regravação via subgrupo. Esta é uma característica totalmente nova que permite que você use a saída de canais virtuais de instrumento ou de subgrupos como a entrada para uma faixa de áudio. Desta forma, você pode renderizar a partir do subgrupo ou instrumentos para novas pistas de áudio e em tempo real.
    • Arrastar-e-soltar eventos de efeitos. O fluxo de trabalho de arrastar e soltar está ainda mais rápido com uma tecla modificadora nova que permite que se façam coisas como arrastar e soltar efeitos diretamente sobre os eventos na tela de arranjo.
    • Opções Wet/Dry Mix e Lock Mix para Efeitos. Processamento paralelo nativo em efeitos nativos da PreSonus. Por exemplo: você pode soltar um compressor em um subgrupo de bateria, aumentar a razão, e diminuir o threshold para comprimir a bateria sem piedade, daí é só mixar 20% do som comprimido com o som original não processado.
    • Opções Legato e Overlap Correction para eventos MIDI. Instantaneamente aplique ou remova legato das pistas MIDI, uma enorme economia de tempo.

    O que está incluído
    O Studio One oferece todos os recursos que você precisa para obter a sua música de forma fluida, incluindo dezenas de efeitos, quatro instrumentos virtuais, milhares de loops e muito mais. Adicione a isso o navegador integrado e fluxo de trabalho rápida do tipo “drag n’ drop ” e você tem a cura perfeita para bloqueio de escritor.

    Efeitos
    A versão Professional vem com 27 efeitos nativos que atuam em 64 bit.

    Não há limites ao número de plug-ins que podem ser usados em uma determinada música. Você está limitado apenas pelo computador.

    Instrumentos
    Quatro instrumentos virtuais. Você pode instanciar quantos instrumentos virtuais seu sistema pode lidar, não há limites.

    Conteúdo extra
    O Studio One vem com gigabytes de conteúdo extra de classe mundial personalizado que são ótimos para fazer fluir sua criatividade. Veja abaixo mais detalhes:

    • Studio One Volume Instruments 1
    • Bateria Ueberschall Impact
    • Studio One Expansion
    • Studio One Musicloops
    • Studio One Piano
    • Vengeance Sound
    • Voodoo One Synth
    • Native Instruments Komplete Player
      • Reaktor Player
      • Guitar Rig Player
      • Kontakt Player

    PRESONUS Capture versão SL32.4.2 AI

    O Capture é o primeiro aplicativo de áudio para gravação digital multicanal projetado para fazer gravação ao vivo. Com a aparência de gravadores de disco rígido padrão da indústria é instantaneamente familiar para cada músico e engenheiro. Em geral, as características que fazem de uma DAW uma ferramenta poderosa para a produção de áudio e mixagem no estúdio são também as do Capture. Esse software simplifica este tipo de ambiente, fornecendo apenas as ferramentas necessárias para registrar um show ao vivo sem colocar enormes exigências sobre os recursos da sua CPU.

    Concebido exclusivamente para mesas de som da série StudioLive, este permite a configuração de captura instantânea e gravação diretamente do mixer com nenhuma configuração. Na versão um, o Capture introduziu a gravação em 2 cliques, a versão 2 faz isso ainda mais fácil: Basta usar o botão Gravar Agora para iniciar a gravação com um único clique!

    O Capture pode ajudar antes do show também. Clique no novo botão Soundcheck Virtual e carregue uma sessão gravada anteriormente para passar o som da banda sem que ela esteja no palco. Quando você terminar, basta clicar no botão novamente para remover todos os arquivos de áudio e armar cada faixa para a gravação. O melhor de tudo é que as suas faixas já estão identificadas!

    Com o Capture 2.1 a integração assume um novo significado.
    O Capture 2.1 tornou-se ainda mais integrado do que antes, não só com os novos mixers da série AI, mas também com o Studio One®, StudioLive Virtual AI, StudioLive Remote-AI para iPad® e o QMix™-AI para o iPhone® / iPod touch®.

    Nenhum outro aplicativo de gravação e mixer digital gratuito chega perto deste incrível grau de integração.

    O Capture 2.1 agora pode salvar e carregar uma cena de mixagem do StudioLive AI e remotamente criar retornos digitais para reprodução rápida e Soundcheck virtual.

    Aqui está um nível de integração que você não vai conseguir em nenhum outro lugar: Quando você grava com o Capture 2.1, você tem a opção de salvar a cena da mixagem da StudioLive AI, juntamente com a sessão. O Studio One 2.6 pode importar sessões do Capture de forma integrada e, quando você importar uma sessão, estará incluído a cena da mesa da série StudioLive incluindo os valores de fader, mutes, panoramas, buses e mandadas de efeitos, além das configurações do Fat Channel.

    Agora você pode ouvir a sua mixagem do show no seu computador portátil, mesmo se a mesa StudioLive estiver desconectada.

    Trabalhe em estéreo ou no glorioso multitrack!
    Além de gravar todos os canais de qualquer mixer StudioLive, o Capture permite gravar uma faixa estéreo das principais saídas da StudioLive, como as saídas de subgrupos, mandadas auxiliares, buses de solo, mic de talkback, entradas auxiliares e mandadas e retornos de efeitos. Isso lhe dá a opção, por exemplo, de gravar a sua mixagem principal ou criar um mix de gravação separado.

    Às vezes você vai querer trabalhar com as suas gravações longe de sua StudioLive. Com o modo de reprodução estéreo do Capture você pode usar a sua placa de som estéreo e o Capture com qualquer computador. Edite suas mixagens no ônibus da banda ou até mesmo na praia (mas fique longe da areia!).

    Som sem incômodo
    O Capture torna o preparo para o próximo show do artista uma brisa porque você pode fazer a passagem do show antes do artista chegar! Vamos dizer que você gravou a banda ontem à noite e você está indo para mixar seu show novamente hoje à noite e eles estão presos no trânsito. Com o modo Soundcheck virtual basta criar uma nova sessão e clicar no botão Soundcheck Virtual. O Capture lhe dará uma lista de sessões e, se você está usando tags de sessão, esta lista será bem organizada. Basta clicar sobre a sessão que você quer; todo o áudio será carregado para você e os retornos digitais no seu mixer StudioLive AI vão ficar definidos automaticamente.

    Ainda melhor: Se você armazenou uma cena da StudioLive com a sessão, ela será carregado em sua mesa para dar-lhe um ponto de partida. Todos os nomes das faixas da sessão serão transmitidos. Agora seus FOH e mixagens de monitoração ficam marcadas e você está pronto para gravar o show de hoje à noite antes de os músicos nem andarem no palco. Após a sua passagem de som virtual, tudo o que você tem a fazer é cortar o sinal e ir embora.

    PRESONUS QMix versão SL32.4.2 AI

    Com o aplicativo PreSonus QMix™, até dez músicos podem controlar simultaneamente sua próprias mixagens de monitor da StudioLive™ (auxiliares) usando um iPhone® ou iPod touch®. Cada músico pode controlar mixagens diferentes sem interferência umas com as outras.
    O QMix funciona em rede com um ou mais iPhones, tudo sem fio ou com um Mac® ou com um PC, O QMix permite o controle remoto do StudioLive Virtual, que por sua vez controla uma ou mais mesas conectadas.

    Quando cada iPhone se conecta à rede privativa, cada cópia do QMix vai descobrir todos as mesas StudioLive que estiverem na mesma rede. Desta forma, cada músico pode rapidamente (e facilmente) criar uma mixagem auxiliar que inclui todos os canais do mixer.

    Monitor de Pessoal sem o custo e sem complicação
    Tudo começa com o Controle Universal rodando em um laptop equipado com FireWire e conectado à sua StudioLive. Na mesa você pode definir as permissões de modo que cada usuário de um determinado iPhone só possa controlar uma mixagem específica (ou todas as mixagens), dessa forma membros de uma banda não pode mexer na mixagem de seus colegas, incentivando a paz e a boa vontade no palco para todos.

    PRESONUS StudioLive Remote versão SL32.4.2 AI

    Você está mixando um show com um mixer do tipo old school e você precisa verificar o som na varanda ou você quer fazer a verificação dos monitores de palco, mas você não pode sair da estação de mixagem, então você tem que confiar em ouvidos de outra pessoa. Se você não tem uma equipe de confiança, você não tem a menor chance a menos que você use o StudioLive™ Remote e um Pad® da Apple®!

    O StudioLive Remote para iPad oferece o controle sem fio direto do aplicativo StudioLive virtual rodando em Mac® ou Windows®, que por sua vez controla qualquer mixer digital da série StudioLive. Contanto que você tenha uma conexão sem fio entre o iPad e o computador você está no controle.

    A visualização panorâmica exibe os parâmetros de vários canais ao mesmo tempo. Toque para ver um close-up de processamento do Fat Channel de determinado canal e navegue pelo compressor, eq e assim por diante, com o toque de um dedo.

    Segure o iPad em posição vertical para ver todos os parâmetros para um único canal. Então caminhe ao redor do local do show aprimorando a sua mixagem na mosca. Ajuste os monitores de palco no palco. Agora você está livre para se mover, mas mantendo o controle da sua mesa de som a todo instante.

    PRESONUS Virtual StudioLive versão SL32.4.2 AI

    O PreSonus StudioLive™ virtual (Virtual StudioLive – VSL) é o aplicativo de controle Universal da PreSonus para Mac® e Windows® que fornece controle bidirecional à todas as mesas de som digitais da série StudioLive.

    O VSL fornece uma representação visual completa da mesa de som, permitindo-lhe ver e controlar todos os parâmetros direto de sua tela.

    Carregar configurações rapidamente com a técnica drag-and-drop.
    Controle cada canal da StudioLive, subgrupo, auxiliar e os níveis principais, além dos mutes e solos, Fat Channel, efeitos e ajustes de equalizadores gráficos direto do VSL; é tão fácil quanto arrastar e soltar!

    Carregue configurações do Fat Channel simplesmente arrastando um preset para um determinado. Quer apenas carregar as configurações de equalização para o canal 1? Basta arrastar uma predefinição. Você pode misturar e combinar as definições como desejar ou aplicar novas cenas a todo o mixer, arrastando-o sobre a superfície de mixagem do VSL a partir de uma lista.

    Faça backup e compartilhe-os.
    Através do VSL você pode fazer backup de todas as cenas e presets armazenados em sua StudioLive. Salve cenas em quantidade praticamente ilimitada junto com todas as configurações e nomeie-as e reorganize-as no navegador.

    Essas configurações armazenados podem ser carregadas a partir do disco ou enviadas e armazenadas internamente na StudioLive. Você pode até mesmo arrastar presets de fora do navegador, de um e-mail, por exemplo.

    Controle de qualquer lugar.
    Com o VSL você pode controlar sua StudioLive a partir do seu Mac ou PC. Isto soa bastante simples e de fato é. O VSL é incrivelmente fácil de configurar e de usar, mas o que você pode fazer com ele é absolutamente incrível!

    Como o controle do VSL é bidirecional você pode controlar o mixer diretamente da superfície da mixagem do computador , mas ao mexer na mesa de som o aplicativo vai se correspondendo automaticamente, ficando idêntico o tempo todo.

    Controle remoto sem fio.
    O VSL combinado com o StudioLive Remote fornece controle do mixer através de um iPad da Apple®, incluindo o controle da ferramenta Smaart, para realização de medições acústicas e alinhamento de PA. Mas, ao integrar um iPhone à rede com o aplicativo QMix™ você acrescenta o controle dos auxiliares. as mesas PreSonus equipadas com esta combinação potente torna qualquer evento livre de problemas e criar um conceito único para a realização incrivelmente detalhada e simples para qualquer evento ao vivo.

    Ganhe o Smaart!

    Só com a StudioLive e seus softwares integrados as coisas realmente ficam interessantes, mas ainda há mais. Com a tecnologia Smaart integrada no VSL você tem assistentes automáticos que ajudam você a visualizar facilmente o rastreamento de frequência de resposta de um local, calcular e definir sincronismo do sistema delay e verificar a conectividade de todas as saídas de áudio.

    O seguro morreu de velho!
    Muita coisa pode acontecer em uma mixagem durante um evento ao vivo, tudo bem, você está usando um sistema PreSonus StudioLive!

    Com mesas de som analógicas você só tem que esperar o que vai acontecer e depois tentar remediar, mas com a série StudioLive há recursos abrangentes de segurança, incluindo a capacidade para proteger com senha toda ou parte da mesa de some também do software, além da rede privativa de conectividade sem fio entre os diversos componentes que formar o PA. Você também pode limitar o acesso à rede sem fio. Então escolha suas configurações de segurança, respire profundamente e sinta-se protegido!

    © 1990 - 2017 Quanta Brasil. Todos os direitos reservados.